Volta às aulas: meu coração nunca acostuma * Mãe de Adolescente

Volta às aulas: meu coração nunca acostuma

EU VOU!

Vejo vários posts de volta às aulas com mamães dando graças a Deus e penso: “Eu devo ser muito esquisita mesmo”.

Eu não gosto da volta às aulas e vou explicar porque.

1. Sinto falta da filha pela casa

Quando a Gigi era pequena, eu realmente sentia uma alívio com a volta às aulas.

Aí ela cresceu e não ficou mais tão dependente de mim como era antes, mas tornou-se uma boa cia.

Com isso, a volta às aulas passou a ser pesarosa para mim.

Tornou-se um momento de ausência. Mais um. Além dos que ela vai na casa das amigas, no shopping, etc.

2. Não acho que ela esteja segura na escola

Se tem uma coisa que não sinto, é que minha filha estará segura na escola.

Não sei se os pais de antigamente tinham esta tranquilidade, mas os de hoje não tem.

Em se tratando de pais de adolescentes, então, pior ainda.

Primeiro, porque nesta fase, elas começam a ser mais influenciáveis.

Segundo, porque também começam a formar corpo e muitos monstros adultos acham que isto é sinal verde para suas monstruosidades.

Terceiro que hoje em dia, vemos tanta notícia de adolescentes brigando, torturando e matando uns aos outros, que não tem como achar que “Ok, na escola está tudo seguro”.

3. O eterno drama da ida e volta

Bom, já contei aqui como foi a minha adaptação da Gi para ir e voltar sozinha da escola.

Foi quase uma odisseia, mas rendeu boas risadas no final.

Ela até contou a versão dela da história do dia que faltou porque o busão não passou.

No entanto, o primeiro dia é só o primeiro dia de todos os demais dias da vida em que os riscos continuam existindo.

Ou seja? Nós, mães, nunca estaremos tranquilas.

4. Aumenta o trabalho

Sim! Quando a Gigi volta às aulas, meu trabalho aumenta, porque tenho que ficar monitorando cada passo, cada horário, cada tarefa para ela não perder a hora.

Quando fui trabalhar fora, ela se virou sozinha.

Foi só eu voltar a trabalhar em homeoffice que ela simplesmente largou de novo os horários na minha mão.

Se eu não fico no pé, ela perde a hora, simplesmente.

Sendo assim, quando ela volta às aulas eu mais me ferro do que me alivio.

E você? Quando suas crias voltam às aulas é alívio ou é tortura pior ainda?

Comments

comments

About Author

Mãe da Gigi, uma adolescente divertida e criativa, mas que de vez em quando faz cara feia sem motivo. Criadora do LogicaFeminina.com.br, colunista no EntreTodasAsCoisas.com.br e no Superela.com, também cuido de algumas contas de clientes por aí.