Carteira de vacinação, exames e consultas: tudo num app só

2

Que tal baixar um app que apresenta o cartão do SUS e, no mesmo lugar, você também encontra a carteira de vacinação, exames, consultas, medicamentos e tudo o que você usou no SUS após a implantação do Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI)

Outra vantagem é que você pode colocar mais de um perfil, ou seja, você pode colocar o seu e dos filhos, por exemplo, no mesmo app, podendo ter a carteirinha de vacinação nos filhos e também o número do SUS sempre à mão, o que facilita muito.

O app do SUS é totalmente gratuito e pode ser baixado tanto em Android, como em iOS.

App do SUS | Como encontrar

O app do SUS se chama CONECTE SUS e você pode baixa-lo direto na loja de apps do seu celular, procurando pelo nome dele.

Depois de baixá-lo, ele vai pedir alguns dados para gerar uma senha de acesso e, a partir daí, é só seguir as instruções de instalação.

Histórico médico do SUS

Através do app CONECTE SUS você terá acesso ao histórico médico do paciente, desde que seja após a implementação do sistema.

Assim, ficará mais fácil inclusive de se comunicar com os médicos especialistas, dando informações mais assertivas de resultados de exames, com datas de consultas e medicações, além da carteira de vacinação.

Isso pode melhorar , e muito, os diagnósticos e prognósticos médicos.

Exames feitos no SUS

Com um histórico de exames registrados no mesmo lugar, o prontuário médico fica muito mais funcional e o paciente passa a ter um acompanhamento muito mais qualitativo, com menos erros de diagnóstico, tratamento e prognóstico.

Além do mais, o médico também pode verificar facilmente se o paciente está com a vacinação em dia, através da carteira de vacinação que já está ali, à mão também.

Atendimentos feitos no SUS

Na aba “Atendimentos”, é possível encontrar as consultas e atendimentos feitos depois que o sistema foi implementado, criando assim um relatório de suas consultas a cada tipo de especialidade, o que pode vir a ser um grande aliado para diagnósticos mais assertivos e tratamentos mais eficazes.

Medicações administradas no SUS

As medicações administradas pelo SUS ficarão registradas no app, o que vai dar um parâmetro de como foram conduzidos os tratamentos e se tiveram resultado ou não, na medida em que forem acompanhados.

Além do mais, esse tipo de registro também inibe fraudes, já que o paciente terá acesso a tudo o que for administrado em seu nome, quando e onde foi.

Carteira de vacinação

Ter a carteira de vacinação registrada na nuvem, já com os registros feitos diretamente pelo posto é uma grande vitória tanto para os pais, como também para o próprio sistema de saúde.

A carteirinha de vacinação é obrigatória nas matrículas escolares e, com ela sendo disponibilizada diretamente pelo SUS, fica muito mais fácil do que era antes, que a gente tinha que tê-la sempre à mão e se sumia, era um “Deus nos acuda”.

A carteira de vacinação do sistema ainda não contempla todas as vacinas dadas, já que só entram as que foram adicionadas após a implementação do sistema, por isso é legal ter uma segunda opção, especialmente para registrar a vacina dos filhos.

Dentro do app CONECTE SUS você encontra na aba CASA > CALENDÁRIO, o calendário de vacinas para todas as idades e pode conferir na sua carteira de vacinação física se está faltando alguma vacina e ir tomá-la no posto de saúde.

Servições de Saúde

Em “Serviços de Saúde”, você vai encontrar uma lista de hospitais, postos de saúde, serviços de urgência, farmácias populares etc, próximos da sua casa, desde que você ative a localização, claro.

Assim, você poderá ter acesso ao serviços de saúde do SUS com muito mais facilidade.

Registros e contatos

Nesta aba você vai poder registrar e visualizar alergias e contatos, assim o médico ou profissional de saúde que estiver te atendendo também poderá ter acesso a essas informações importantes, evitando administrar medicações que te causam alergias.

Como conseguir a carteira de vacinação atualizada

Caso você tenha perdido a sua carteira de vacinação, é importante que você trate de providenciar uma nova, pois ela será exigida em situações como viagens internacionais, por exemplo.

No caso dos filhos, é ainda mais importante porque é exigida na hora de fazer a matrícula, podendo perder a vaga caso não a apresente e esteja em dia.

A recomendação do Ministério da Saúde para o caso de perda da carteira de vacinação, é que o paciente ou o seu responsável vá até o posto de saúde mais próximo e comunique a perda, solicitando uma nova carteirinha de vacinação.

Em geral, os registros devem estar no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SI-PNI), portanto poderão ser recuperados e registrados em uma nova caderneta de vacinação, que deverá ser guardada de forma responsável.

Caso o paciente tenha recebido vacinas também na rede privada, para fazer o registro na nova carteira de vacinação, é necessário que ele ou o seu responsável vá ao local da vacinação e peça o registro no novo cartão de vacinação.

As vacinas tomadas que não tiveram seu registro atualizados deverão ser tomadas novamente e, desta vez, o registro ser feito na nova carteira de vacinação.

Com o tempo, todos os registros serão adotados diretamente no CONECTE SUS, mas enquanto não é possível, já que se trata de um longo processo, é importante manter a caderneta de vacinação de papel atualizada e bem guardada para o caso de qualquer necessidade.

E lembre-se de levar sua carteira de vacinação em toda e qualquer campanha de vacinação que for fazer, assim evita que os registros sejam feitos em papéis avulsos, o que aumenta as chances de perda.

Mais posts:

About Author

Me tornei mãe aos 24 anos, um ano após ter perdido a minha mãe. Tudo ia bem, quando aos 29, fiquei viúva de forma trágica e me vi como mãe solo. Aos 33, conheci o meu atual marido e aos 35, minha filha (com 10 anos na época) sofreu um acidente num pula-pula que a deixou 7 meses em uma cadeira de rodas e com grandes chances de sequela. Após dois anos do acidente, resolvi criar o blog e aqui estamos, vivendo juntas a emoção da maternidade durante a fase da adolescência. Mas não só isto!

Primeiro namoro da filha: como lidar? Por que adolescentes mentem?